sexta-feira, 22 de julho de 2011

E foi assim, se descobriram no encontro, no susto e no final?
Mente o estranho corpo de luz sedento que se atira pela noite
adormece o segredo dos olhos míopes que sonham enfim
se abrem e se olham quando tudo já não basta
ontem
e hoje
de novo e de novo,
agitados pelas drogas em suas veias
pelos palavrões escritos nos muros
por eles mesmos se agitaram
às pedras no caminho de passados impossíveis
exaltaram a fome do que era posto
contraditório
inexplicável
instantâneo
se intuíram e se quiseram
através de forças obscuras desarmadas
se abraçaram e sumiram.

3 comentários:

  1. "Não tenho habilidade pra clarezas".

    ResponderExcluir
  2. "Se abraçaram e sumiram"

    Lindo Lila!

    ResponderExcluir
  3. José:
    instantes sobre árvores.

    Viva Manoel! Viva, Viva!

    Maura:
    clareou?

    ResponderExcluir